Em Washington, Bolsonaro diz que sua chegada à presidência foi milagre e vontade de Deus

Por Gospel Prime

O presidente Jair Bolsonaro está em Washington, nos Estados Unidos, para uma reunião com o presidente americano Donald Trump. Neste domingo (17), porém, ele participou de um jantar na embaixada brasileira com diversas autoridades americanas, além do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e do escritor Olavo de Carvalho.

Em seu discurso, Bolsonaro chamou de “vontade de Deus” ele estar na Presidência. “Nosso Brasil caminhava para o socialismo, para o comunismo, quis a vontade de Deus, entendo dessa maneira, porque dois milagres aconteceram: um é a minha vida e outro minha eleição”, disse.

“A minha campanha foi baseada no versículo bíblico: ‘E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará’”, relembrou ele aos presentes. “E o que eu sempre sonhei foi libertar o Brasil da ideologia nefasta de esquerda”, completou.

A viagem de Bolsonaro aos Estados Unidos é um marco entre a relação dos dois países. “Pela primeira vez em muito tempo, um presidente brasileiro que não é antiamericano chega a Washington. É o começo de uma parceria pela liberdade e prosperidade, como os brasileiros sempre desejaram”, escreveu o presidente assim que chegou nos Estados Unidos.

O encontro com Trump será nesta terça (19), ambos os presidentes possuem discursos parecidos, principalmente as críticas contra a esquerda política.

 
 
 

Site da Universidade de Havana é invadido com mensagens contra Castro e Díaz-Canel

Site da Universidade de Havana é invadido com mensagens contra Castro e Díaz-Canel
O grupo Anonymous Cuba Oficial invadiu neste domingo o site da Faculdade de Física da Universidade de Havana ...
Leia Mais >
 

Mais de 300 detidos no estado de São Paulo durante o carnaval de sábado

Mais de 300 detidos no estado de São Paulo durante o carnaval de sábado
A Polícia do Estado de São Paulo prendeu 333 pessoas, incluindo duas venezuelanas, durante as festividades de carnaval ...
Leia Mais >
 

Guaidó pressionará por mais sanções contra regime de Maduro

Guaidó pressionará por mais sanções contra regime de Maduro
Depois de retornar à Venezuela após uma turnê internacional de três semanas, Juan Guaidó diz que tomou um ...
Leia Mais >
 

Alemanha: assassino em massa tinha motivo racista, segundo autoridades

Alemanha: assassino em massa tinha motivo racista, segundo autoridades
As autoridades alemãs acreditam que o homem armado que cometeu dois disparos na cidade de Hanau, na Alemanha ...
Leia Mais >