TSE pode colocar acusações de fraude em inquérito das Fake News

Por Brehnno Galgane, Terça Livre

O ministro Luis Felipe Salomão, corregedor do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), provavelmente irá se reunir na próxima semana com o ministro Alexandre de Moraes, relator do inquérito das fake news no Supremo Tribunal Federal (STF). A reunião será para analisar a possibilidade de colocar as acusações de fraude no inquérito das Fake News. A informação foi divulgada pela CNN Brasil, na sexta-feira (30).

Atualmente, Salomão também é o relator das ações de cassação da chapa Bolsonaro-Mourão no TSE, que em julho recebeu compartilhamento de provas do inquérito inconstitucional das fake news pelo STF. Esse inquérito, por sua vez, tem como alvo apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro.

O diálogo entre os dois ministros possivelmente ocorrerá após o prazo final que Salomão deu para que autoridades públicas apresentem evidências ou informações sobre fraudes nas eleições.

O relator da PEC do voto impresso auditável, o deputado federal Filipe Barros, durante o Boletim da Noite de sexta-feira (30), ressaltou a precariedade das urnas eleitorais brasileiras de primeira geração, já que não são possíveis realizar ma eventual auditabilidade dos votos por meio delas.

“É importante sempre dizer e precisa ser pontuado: o problema das nossas urnas, das urnas do TRE de primeira geração, é justamente esse, não é possível comprovar objetivamente se aconteceu uma fraude  ou uma falha no sistema, por esse motivo todos os países deixaram de utilizar isso”, apontou o parlamentar.

“Nós não podemos colocar a lisura das eleições para depender exclusivamente de softwares, porque eles podem ser manipulados  e essas manipulações muitas vezes podem não deixar rastros. Nessa situação hipotética não é possível identificar possíveis fraudes ou falhas”, explicou Filipe Barros.

Entre para nosso canal do Telegram.

Siga o Epoch Times no Gab.

Veja também:

 
 
 

ONU adverte que IA pode representar uma ameaça ‘negativa e até mesmo catastrófica’ aos direitos humanos

ONU adverte que IA pode representar uma ameaça ‘negativa e até mesmo catastrófica’ aos direitos humanos
A Organização das Nações Unidas advertiu que os sistemas de inteligência artificial (IA) podem representar uma ameaça "negativa, ...
Leia Mais >
 

Navios de guerra chineses entram em zona americana

Navios de guerra chineses entram em zona americana
Navios de guerra chineses entraram na zona econômica exclusiva americana. A mídia estatal chinesa disse ser uma medida ...
Leia Mais >
 

EUA, Austrália e Reino Unido firmam pacto histórico de defesa contra a China

EUA, Austrália e Reino Unido firmam pacto histórico de defesa contra a China
Estados Unidos, Austrália e Reino Unido anunciaram nesta quarta-feira um pacto de defesa histórico, que inclui o apoio ...
Leia Mais >
 

Investidores de empresa chinesa exigem seu dinheiro de volta

Investidores de empresa chinesa exigem seu dinheiro de volta
Um novo surto do vírus do PCC atinge a China. Um homem testa positivo após 3 semanas em ...
Leia Mais >