TRF da 1ª Região arquiva ação penal contra ex-presidente Lula

Por Agência Brasil

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região, sediado em Brasília, decidiu hoje (1º) arquivar uma ação penal que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva respondia na Justiça Federal do Distrito Federal. A denúncia foi feita pelo Ministério Público Federal (MPF) em 2016.

De acordo com a acusação, o ex-presidente teria atuado junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e outros órgãos com o objetivo de garantir a liberação de financiamentos para obras em Angola. Em troca, teria recebido recursos da Odebrecht por meio de palestras que foram realizadas para a empresa.

Ao julgar recurso da defesa, os desembargadores da 4ª Turma entenderam que a denúncia do MPF não apontou indícios mínimos de irregularidades e não especificou as condutas ilícitas que teriam sido praticadas. Em nota, a defesa declarou que esta é a quinta ação penal proposta contra o ex-presidente que foi rejeitada.

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
 
 

Pequim prendeu pelo menos 100 praticantes do Falun Gong em setembro

Pequim prendeu pelo menos 100 praticantes do Falun Gong em setembro
O Partido Comunista Chinês (PCC) condenou pelo menos 100 praticantes do Falun Gong à prisão em setembro, de ...
Leia Mais >
 

María Cabal fala sobre a infiltração do comunismo na América Latina

María Cabal fala sobre a infiltração do comunismo na América Latina
Hoje ouviremos a Sra. María Cabal, senadora da Colômbia, que nos fala sobre a insurgência comunista que está ...
Leia Mais >
 

O impacto da China nos danos ao meio ambiente

O impacto da China nos danos ao meio ambiente
A China comunista está impactando severamente o ambiente, a terra, o ar e a água. A nação asiática ...
Leia Mais >
 

“Round 6” na vida real; comércio de órgãos do PCC

“Round 6” na vida real; comércio de órgãos do PCC
Uma sociedade na qual todos competem por dinheiro e pela chance de mudar seus destinos; Onde excluídos têm ...
Leia Mais >