Shopping Market Place inaugura Exposição Internacional de Arte

A Exposição Internacional de Arte Verdade Benevolência e Tolerância foi inaugurada neste sábado e será exibida até dia 23 de maio no Shopping Market Place. A exposição é composta por 22 giclês, a maioria pintados a óleo, que retratam a perseguição ao Falun Gong pelo Partido Comunista Chinês (PCC).

O Falun Gong, ou Falun Dafa, é uma prática de meditação e auto cultivo gratuita que se baseia nos princípios de verdade, compaixão e tolerância. Há 16 anos esta prática pacífica começou a ser perseguida na China pelo PCC.

As pessoas que visitaram a exposição ficaram encantadas com as obras, que retratam os fatos através de um realismo primoroso.  As obras que expõem a perseguição deixaram os visitantes impressionados, pois ainda é um fato pouco divulgado no Brasil.

“Me chamou atenção a gravidade das cenas que em alguns momentos são retratadas. As pinturas parecem que são de verdade, isso me chamou muita atenção”, disse Ivana Andrade, 54, arquiteta.

Leia também:
Exposição de Arte permite que o mundo veja injustiças e brutalidade do comunismo na China
Exposição de arte encanta Londres, mas é proibida na China
Guardas e prisioneiros torturam praticantes do Falun Gong na Prisão de Xangai

“Eu não sabia que isso acontecia na China e nem sabia desse movimento, gostaria até de participar. Fiquei emocionada e achei um absurdo tudo isso e ao mesmo tempo feliz, porque existem pessoas que tentam fazer alguma coisa para melhorar. Então, eu fiquei chocada, eu realmente não sabia da perseguição e acho que deveria ser mais divulgado no Brasil”, disse Alessandra Gonçalves Alexandre, 43, publicitária.

A publicitária disse que vai contar às pessoas o que viu na exposição. “Vou tentar de alguma forma falar desse movimento e espalhar o que acontece na China para dar mais força, porque as pessoas não sabem disso.”

“Achei uma exposição muito esclarecedora, porque eu não tinha nenhuma noção do que era o Falun Dafa e eu não sabia também que isso [a perseguição] está acontecendo. Então foi uma exposição muito boa para conhecer o que está sendo feito e a injustiça que está sendo feita,” relatou Marisa Melo, 33, engenheira.

A exposição continuará ocorrendo no térreo do Shopping Market Place até dia 23 de maio, e a visitação é gratuita, das 10h às 22h todos os dias e aos domingos das 14h às 20h.

O período da exposição coincide com uma data especial para os praticantes do Falun Gong ao redor do mundo. No dia 13 de maio, comemora-se 23 anos que a prática do Falun Dafa tornou-se pública a partir da China.

 
 
 

Extração forçada de órgãos do regime chinês pode se espalhar para outros países, alerta diretor de ONG

Extração forçada de órgãos do regime chinês pode se espalhar para outros países, alerta diretor de ONG
O regime comunista chinês exportaria sua prática horrível de extração forçada de órgãos assim que fosse capaz de ...
Leia Mais >
 

Xi Jinping, o líder do Partido Comunista Chinês, discursou na ONU

Xi Jinping, o líder do Partido Comunista Chinês, discursou na ONU
Xi Jinping, o líder do Partido Comunista Chinês, discursou na ONU. Altos-oficiais de governos e instituições diversas têm ...
Leia Mais >
 

General americano faz telefonemas secretos para a China

General americano faz telefonemas secretos para a China
Um dos maiores generais americanos está com problemas. Uma reportagem diz que ele ligou secretamente para seu correspondente ...
Leia Mais >
 

Bolsonaro discursa na ONU

Bolsonaro discursa na ONU
Nesta terça-feira, o presidente da República, Jair Bolsonaro, discursou nas Nações Unidas. Você conferirá destaques de sua fala. ...
Leia Mais >