“Round 6” na vida real; comércio de órgãos do PCC

Por NTD Notícias

Uma sociedade na qual todos competem por dinheiro e pela chance de mudar seus destinos; Onde excluídos têm seus órgãos vendidos por pessoas da pior índole. Seria uma nova série da Netflix ou a China sob o governo do Partido Comunista? É a comparação feita pelo jornal “Daily Mail”, que expôs o nefasto comércio de órgãos chinês em um artigo.

O ELN, guerrilha radical colombiana, assumiu a autoria de um novo ataque terrorista no país vizinho. O ocorrido pode ter graves consequências econômicas e ambientais.

E a revista ISTOÉ comparou o presidente Jair Bolsonaro ao ditador nazista Adolph Hitler. A prática de enquadrar como “nazista” o diferente é uma tática política já antiga. Você conferirá suas raízes históricas para entender o episódio sob uma outra perspectiva.

 

 
 
 

COVID-19, uma pandemia do medo ‘fabricada’ pelas autoridades, afirma epidemiologista de Yale

COVID-19, uma pandemia do medo ‘fabricada’ pelas autoridades, afirma epidemiologista de Yale
A pandemia da COVID-19 tem sido uma pandemia do medo, fabricada por indivíduos em cargos nominais de autoridade ...
Leia Mais >
 

RISCO: 52% dos americanos vê China como principal ameaça

RISCO: 52% dos americanos vê China como principal ameaça
Os americanos parecem estar, drasticamente, mudando de ideia sobre o Regime comunista chinês. Pela primeira vez, metade dos americanos ...
Leia Mais >
 

EUA: Comunismo na educação

EUA: Comunismo na educação
Maduro vira desenho animado. A União Soviética e a China promoveram o culto à personalidade de tiranos como ...
Leia Mais >
 

EUA: Compromisso “inabalável” com defesa de Taiwan

EUA: Compromisso “inabalável” com defesa de Taiwan
Os EUA reiteraram seu compromisso “inabalável” com a defesa de Taiwan, e o ex-primeiro-ministro japonês disse que o ...
Leia Mais >