Primeira sentença de prisão perpétua por guerra Rússia-Ucrânia é aplicada

Por Jack Phillips 

Um soldado russo foi condenado por um tribunal ucraniano na segunda-feira à prisão perpétua depois que ele se declarou culpado de matar um civil.

O soldado, Vadim Shishimarin, disse que atirou e matou um civil de 62 anos até a morte no final de fevereiro, poucos dias após o início do conflito. Shishimarin, que foi capturado como parte de um batalhão de tanques russo, pediu desculpas à viúva da vítima no tribunal.

Shishimarin “viu um civil na calçada, Oleksandr Shelipov”, disse o tribunal, segundo relatos. “Shishimarin sabendo que Shelipov é um civil e está desarmado e não representa nenhuma ameaça para ele – disparou vários tiros em Shelipov de sua arma AK”.

“A causa da morte de Shelipov foi um tiro na cabeça que resultou no esmagamento do crânio”, disse o tribunal, acrescentando que sua sentença pode ser apelada em 30 dias.

O advogado de defesa do soldado, Victor Ovsyanikov, argumentou que seu cliente não estava preparado para o “violento confronto militar” depois que as forças russas invadiram a Ucrânia. Shishimarin vai recorrer do veredicto, disse Ovsyanikov, segundo uma reportagem da Associated Press.

Shishimarin havia dito ao tribunal que, a princípio, desobedeceu à ordem de seu comandante imediato de atirar no civil desarmado, mas não teve escolha a não ser seguir a ordem quando foi repetida com força por outro oficial. Abraham, no entanto, observou que seguir ordens não é uma defesa sob a lei.

O promotor Andriy Sunyuk sugeriu que mais julgamentos de crimes de guerra podem ser realizados no futuro contra soldados russos, e acrescentou que espera que o veredicto envie uma mensagem a Moscou.

“Acho que todas as outras agências de aplicação da lei seguirão o caminho que percorremos”, disse ele ao tribunal na segunda-feira.

“Este será um bom exemplo para outros ocupantes que podem ainda não estar em nosso território, mas planejam vir”, acrescentou Sunyuk, conforme relatado pela CNN. “Ou para aqueles que estão aqui agora e planejam ficar e lutar. Ou talvez eles pensem que é hora de sair e voltar para seu próprio território”.

Mais cedo na segunda-feira, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse à mídia estatal que Moscou estava preocupada com o julgamento, pois a Rússia não tem a capacidade de “proteger seus interesses no local”. A AP informou que o advogado de Shishimarin foi nomeado por um tribunal ucraniano.

“Isso não significa que não vamos considerar a possibilidade de continuar as tentativas [de ajudar o militar] por outros canais”, disse Peskov, sem dar mais detalhes.

O defensor ucraniano das liberdades civis, Volodymyr Yavorskyy, disse que foi “uma sentença extremamente dura por um assassinato durante a guerra”. Mas Aarif Abraham, um advogado de direitos humanos baseado na Grã-Bretanha, disse que o julgamento foi conduzido “com o que parece ser um processo justo e completo”, incluindo o acesso a um advogado.

A Associated Press contribuiu para esta reportagem.

Entre para nosso canal do Telegram

Assista também:

 
 
 

Regime chinês matou adepto do Falun Gong para extrair seu fígado, afirma testemunha

Regime chinês matou adepto do Falun Gong para extrair seu fígado, afirma testemunha
Um ex-membro de uma gangue criminosa japonesa disse que testemunhou o comércio de órgãos na China, tendo visto ...
Leia Mais >
 

Ex-general dos EUA fala sobre atuação do Partido Comunista Chinês: Entrevista exclusiva

Ex-general dos EUA fala sobre atuação do Partido Comunista Chinês: Entrevista exclusiva
David Stillwell, é um general de brigada americano reformado. De 2011 a 2013 ele foi diplomata na embaixada ...
Leia Mais >
 

BOLSONARO: “TOMAREMOS AS AÇÕES QUE DEVEM SER TOMADAS”; COREIA DO SUL AMPLIA DEFESA

BOLSONARO: “TOMAREMOS AS AÇÕES QUE DEVEM SER TOMADAS”; COREIA DO SUL AMPLIA DEFESA
O presidente Jair Bolsonaro discursou a uma multidão em Santa Catarina no sábado. Ele falou em “luta do ...
Leia Mais >
 

GUERRA “NÃO-CONVENCIONAL” DA CHINA; COLÔMBIA: GIRO À ESQUERDA; BRICS: IMPASSE DO BRASIL

GUERRA “NÃO-CONVENCIONAL” DA CHINA; COLÔMBIA: GIRO À ESQUERDA; BRICS: IMPASSE DO BRASIL
Um impasse para o Brasil? Ocorreu a cúpula do BRICS. China e Rússia falam em uma expansão do ...
Leia Mais >