Presidente do Equador diz ter negociado condições para entregar Assange

Por Francine Marquez, Diário do Poder

O presidente do Equador, Lenín Moreno, publicou em seu Twitter nesta quinta-feira (11) um vídeo onde afirma ter negociado com autoridades da Grã-Bretanha as condições para a entrega de Julian Assange, 47 anos, fundador do site Wikileaks. “Respeitando os direitos humanos e o direito internacional, solicitei à Grã-Bretanha a garantia de que Assange não seria entregue a um país onde possa sofrer torturas ou pena de morte”.

Moreno alega que apesar do Equador ser um “país generoso e de braços abertos” a decisão de retirar o asilo diplomático de Julian Assange ocorreu por ele ter “violado repetidamente as convenções internacionais”.

O presidente equatoriano diz que Assange infringiu as condições estabelecidas para que permanecesse exilado na embaixada em Londres. “O Equador cumpriu com suas obrigações dentro do marco do direito internacional. O senhor Assange violou reiteradamente as disposições expressas em convenções internacionais sobre asilo diplomático, particularmente a de não intervir em assuntos internos de outros Estados”.

E que por seis anos e dez meses, o povo equatoriano garantiu os direitos e as necessidades cotidianas de Assange, mas que tendo em vista sua “conduta desrespeitosa e agressiva”, a paciência equatoriana chegou ao limite, sendo assim, a manutenção do asilo tornou-se “insustentável e inviável”.

Moreno declarou que membros do site ameaçaram o governo equatoriano, citando que nos últimos anos, o Wikileaks divulgou documentos sigilosos. “Há dois dias, o Wikileaks ameaçou o governo do Equador. Meu governo não tem nada a temer. Não atua sob ameaça. O Equador se guia pelos princípios do direito, cumpre as normas internacionais e cuida dos interesses do povo equatoriano”.

Estados Unidos querem extradição

Logo após a prisão de Assange, o Departamento de Justiça norte-americano anunciou que pediu a sua extradição para julgá-lo nos Estados Unidos. Lá o jornalista é acusado de ajudar a ex-analista de inteligência norte-americana Chelsea Manning, a obter a senha para acessar documentos confidenciais da Defesa dos Estados Unidos.

Por isso, Julian Assange é acusado de conspiração por meio de ciberpirataria, e pode ser condenado a pena de cinco anos de prisão. Entretanto, o jornalista e seus apoiadores temem que ele seja condenado a pena de morte.

Denúncia

Segundo Moreno, Assange instalou equipamentos eletrônicos não permitidos no prédio da embaixada, bloqueou as câmeras de segurança da embaixada, agrediu e maltratou vigilantes da missão diplomática e acessou arquivos de segurança da embaixada, sem permissão.

No Twitter, o ex-presidente equatoriano Rafael Correa criticou a decisão de Moreno, afirmando que é uma “covardia”. Para Correa, que concedeu abrigo a Assange, a atitude do presidente equatoriano não será esquecida pela humanidade.

“Um dos atos mais atrozes fruto de servilismo, vileza e vingança. A história será implacável com o culpado de algo tão atroz”, disse Correa. Segundo ele, a decisão foi tomada porque o Wikileaks publicou denúncia de corrupção envolvendo Moreno.

Com informações da Agência Brasil

 
 
 

Rússia compete com China por vendas de armas ao Paquistão

Rússia compete com China por vendas de armas ao Paquistão
Durante anos, Pequim tem sido o maior fornecedor de armas para Islamabad, possuindo as compras de defesa como ...
Leia Mais >
 

Autoridades chinesas exigem instalação de câmeras de vigilância dentro de casas alugadas

Autoridades chinesas exigem instalação de câmeras de vigilância dentro de casas alugadas
Na China, o medo orwelliano de um Estado "Grande Irmão" está se tornando realidade, já que os cidadãos ...
Leia Mais >
 

Deputado acha que educação em tempo integral é adequada para o Brasil e pede debate

Deputado acha que educação em tempo integral é adequada para o Brasil e pede debate
Nesta terça-feira (23/4), a Comissão de Educação promove seminário para debater educação em tempo integral, na Câmara dos ...
Leia Mais >
 

Misterioso círculo gravado no gelo aparece em lago no planalto tibetano (Vídeo)

Misterioso círculo gravado no gelo aparece em lago no planalto tibetano (Vídeo)
Um círculo com um estranho desenho apareceu durante a noite no gelo do lago Qinghai, no planalto tibetano ...
Leia Mais >