Mais Menos
Por que cientistas estão entusiasmados em usar solo comum ao invés de tijolos na construção

Cientistas no Reino Unido estão desenvolvendo um método para transformar o solo ou terra normal em um novo material de construção que poderia um dia reduzir a nossa dependência do tijolo tradicional.

O problema com a produção de tijolos é que requer um forno de queima que alcance temperaturas extremamente altas, o que é caro e cria poluição.

“Para fabricar um tijolo, ele é normalmente queimado a mais de 1.000 graus centígrados, e para fabricar os ingredientes necessários para o cimento, é preciso alcançar 1.450 graus centígrados”, diz Alastair March, um pesquisador citado na reportagem no vídeo.

Para desenvolver a uma alternativa ambientalmente melhor e mais eficiente, pesquisadores da Universidade de Bath estão experimentando uma técnica chamada geopolimerização.

Ao adicionar certos compostos ao solo e tratá-lo a uma temperatura de apenas 80 graus centígrados, eles descobriram que é possível transformar a argila em material de construção tão eficiente quanto o tijolo tradicional.