MPF questiona Ministério da Saúde por cancelamento da compra de vacina chinesa

Por Brehnno Galgane, Terça Livre

O Ministério Público Federal (MPF), na terça-feira (27/10), pediu para o Ministério da Saúde explicar os motivos de priorizar a vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca com a Universidade de Oxford. A Procuradoria quer saber também a motivação técnica para a pasta ter cancelado a compra da substância chinesa, produzida em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.

Em 21 de outubro, o presidente Jair Bolsonaro decidiu invalidar o acordo firmado pelo Ministério da Saúde para a compra de 46 milhões de doses da CoronaVac.

Para o MFP, “não haveria motivos para privilegiar uma [vacina] em detrimento da outra, caso os resultados dos testes sejam satisfatórios nos 2 casos”. O órgão também questiona se a compra foi realmente cancelada. “Em caso positivo, qual o atual planejamento? Quais as justificativas técnicas para o novo direcionamento e quais os quantitativos de vacinas previstos?”.

Conforme informou o site Brasil Sem Medo, o órgão ainda enviou ofícios para a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o governo de São Paulo e o Instituto Butantan.

Da parte da Anvisa, a Procuradoria deseja saber sobre os embasamentos científicos usados para considerar inicialmente apenas a vacina de Oxford no calendário de vacinação.

Já ao Butatan, o órgão requer os “termos em que firmado o acordo com o Ministério da Saúde, bem como informações sobre a etapa de testes em que se encontra a CoronaVac e a previsão de finalização de cada estágio dos procedimentos para sua aprovação pela Anvisa”.

Também pediu “a prestação de informações sobre as etapas do processo de testes da CoronaVac e sobre o protocolo de intenções firmado com o Ministério da Saúde e seus desdobramentos posteriores”.

O MPF também quer saber se o Butantan recebeu alguma justificativa pela “demora na liberação das importações de insumos para produção da vacina”.

Apoie nosso jornalismo independente doando um “café” para a equipe.

Veja também:

 
 
 

Grupo bipartidário pede ‘revisão abrangente’ do financiamento dos EUA para pesquisa de vírus na China

Grupo bipartidário pede ‘revisão abrangente’ do financiamento dos EUA para pesquisa de vírus na China
Um grupo bipartidário de senadores está convocando o presidente Joe Biden para garantir que os Estados Unidos concluam ...
Leia Mais >
 

Autoridades chinesas destroem barragem

Autoridades chinesas destroem barragem
Por NTD Notícias Chineses, passaram dias e noites fortificando as margens de rios para evitar inundações, apenas para ...
Leia Mais >
 

Movimento fundado por Oswaldo Payá propõe medidas para isolar o regime comunista de Cuba

Movimento fundado por Oswaldo Payá propõe medidas para isolar o regime comunista de Cuba
O Movimento Cristão de Libertação (MCL) fundado pelo falecido Oswaldo Payá na terça-feira propôs medidas para isolar o ...
Leia Mais >
 

Embaixadas chinesas publicaram notas criticando os Jogos Olímpicos no Japão, mas por um motivo incomum que gerou furor entre internautas.

Embaixadas chinesas publicaram notas criticando os Jogos Olímpicos no Japão, mas por um motivo incomum que gerou furor entre internautas.
Por NTD Notícias Evidências apontam que a catástrofe das enchentes na China vem das autoridades do Partido Comunista. ...
Leia Mais >