Diretor de cinema aprecia a magia do Shen Yun

Diretor de cinema aprecia a magia do Shen Yun

O diretor de cinema Beau Bouverat gostou do Shen Yun na Casa de Ópera de San Francisco War Memorial em 2 de janeiro de 2019 (Mark Cao / The Epoch Times)

2019/01/04

SAN FRANCISCO – O Shen Yun Performing Arts, uma companhia chinesa clássica de dança e música sediada em Nova York, tem a missão de ajudar o público ao redor do mundo a experimentar a cultura tradicional chinesa. O cineasta Beau Bouverat gostou de ver essa cultura ganhar vida no palco.

“É lindo; os trajes são ótimos; [a] música soa incrivelmente. … Eu achei muito legal”, disse ele . “Sou diretor comercial há quase 25 anos, então posso apreciar a mágica.”

Bouverat participou de uma apresentação do Shen Yun em San Francisco na War Memorial Opera House em 2 de janeiro.

“Os dançarinos são ótimos”, disse ele. “As mulheres são fenomenais, quão fluidos são seus movimentos. Eles são muito graciosos.”

Ele também admirou o atletismo dos dançarinos masculinos. A dança clássica chinesa é um sistema de dança antigo que inclui muitas técnicas difíceis de saltos, saltos mortais e cambalhotas, além de ser graciosa e expressiva.

Duas das peças de dança que mais se destacaram para Bouverat foram “Porcelain in the Balance”, em que as mulheres equilibram cerâmica na cabeça enquanto dançam, assim como “Restaurant Cheer”, uma dança humorística ambientada em um restaurante.

“A cena no restaurante foi muito divertida de assistir”, disse ele. “Estou feliz por estarmos aqui.”

Cada apresentação de dança do Shen Yun inclui danças clássicas chinesas, danças étnicas e folclóricas e danças que retratam lendas e histórias da China. Bouverat considerou a cultura e expressões artísticas apresentadas na performance muito boas.

“A emoção é carregada através da dança e da música, e isso é bom”, disse ele. “Isso me deixou interessado em aprender um pouco mais.”

Os dançarinos são acompanhados por uma orquestra ao vivo única que combina tradições musicais chinesas e ocidentais. Além disso, os cantores apresentam solos vocais em chinês usando a técnica tradicional do bel canto.

Bouverat admirava a beleza das letras das músicas, que são traduzidas para o inglês como pano de fundo. De acordo com o site do Shen Yun, essas letras originais contêm um significado profundo que transcende as fronteiras culturais.

“É lindo e emocionante”, disse Bouverat sobre as letras.

‘Magnífico’

David Gurley, um empreiteiro geral, participou da performance com sua família.

“Foi magnífico”, disse ele. “Eu achei a criatividade na elaboração dos figurinos sem precedentes. Foi simplesmente requintado. A coreografia da dança foi maravilhosa.”

O que mais se destacou para ele foi “a proeza física de cada um dos artistas”.

“É fenomenal poder fazer um show de duas horas e meia com a boca fechada”, disse ele. “Foi simplesmente tremendo.”

“É esplêndido entender mais sobre grande parte da cultura chinesa, porque, como uma das culturas mais antigas do planeta, aprender mais sobre as complexidades e o desenvolvimento e a história dessa cultura é simplesmente delicioso”, disse ele.

O site do Shen Yun explica que a cultura tradicional chinesa é conhecida como “divinamente inspirada”. A fé, o respeito pelos céus e outros conceitos espirituais e valores morais são importantes na tradição chinesa antiga. Na China moderna, no entanto, o regime comunista despojou a cultura dessa essência espiritual.

Hoje, o Shen Yun pretende reviver esses valores antigos no palco, através de suas apresentações.

“Essa é uma das coisas que eu acho que não vemos no Ocidente”, disse Gurley sobre a espiritualidade no Shen Yun. “Nós vemos o comunismo; é o rosto da China. E há alguma exposição sobre as dinastias mais antigas com essas belas obras de arte, mas não há muito que esteja disponível hoje, tanto quanto a China e o povo chinês, fora do âmbito do Partido Comunista”.

Ele acha que os valores tradicionais são “muito, muito importantes”.

“Isso é mostrado nesta produção … que alguém se ocupou disso, os produtores e os criadores da apresentação e os artistas também, todos os envolvidos suportaram dores extremas para trazer a espiritualidade de volta através do palco”, disse ele.

Espírito e energia

A política local Karen Cunningham gostou do Shen Yun no mesmo dia. Ela apreciou a beleza da espiritualidade no Shen Yun.

“O que eu estava sentindo era o espírito e a energia dos dançarinos … e eu sei que eles são obviamente muito apaixonados pelo que fazem”, disse ela.

Na China, aqueles que possuem crenças espirituais são frequentemente oprimidos pelo regime comunista chinês. A peça de dança do Shen Yun “Bondade na Face do Mal” conta uma história sobre uma perseguição que está acontecendo na China moderna.

“É muito difícil para as pessoas de qualquer país que tenha algum tipo de perseguição”, disse Cunningham. “Fico feliz que eles possam expor ela aqui.”

“Estou gostando muito. É muito colorido ”, disse ela. “Eu quero ver o Shen Yun há muitos anos e estou muito feliz por estar aqui.”

Com reportagem de Mary Man, Mark Cao e Sally Appert.

O Epoch Times considera o Shen Yun Performing Arts o evento cultural significativo do nosso tempo e cobriu as reações do público desde o início da companhia em 2006.

 

São Francisco, Estados Unidos

Shen Yun New York Company