Após dois votos contra liberdade de Lula, pedido de vista adia julgamento no STF

Por André Brito, Diário do Poder

O julgamento do pedido de liberdade do ex-presidente Lula na Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal foi adiado após pedido de vista do ministro Gilmar Mendes.

O ministro relator, Edson Fachin, considerou não haver fatos novos que justificassem a concessão da liberdade e votou contra o pedido.

Segunda a votar, a ministra Cármen Lúcia, que assumiu o lugar do ministro Dias Toffoli na Turma, seguiu o voto do relator para manter Lula na prisão.

Após o voto de Cármen Lúcia, o ministro Gilmar Mendes pediu vista (mais tempo para analisar o caso) e o julgamento foi adiado.

 
 
 

Rússia compete com China por vendas de armas ao Paquistão

Rússia compete com China por vendas de armas ao Paquistão
Durante anos, Pequim tem sido o maior fornecedor de armas para Islamabad, possuindo as compras de defesa como ...
Leia Mais >
 

Autoridades chinesas exigem instalação de câmeras de vigilância dentro de casas alugadas

Autoridades chinesas exigem instalação de câmeras de vigilância dentro de casas alugadas
Na China, o medo orwelliano de um Estado "Grande Irmão" está se tornando realidade, já que os cidadãos ...
Leia Mais >
 

Deputado acha que educação em tempo integral é adequada para o Brasil e pede debate

Deputado acha que educação em tempo integral é adequada para o Brasil e pede debate
Nesta terça-feira (23/4), a Comissão de Educação promove seminário para debater educação em tempo integral, na Câmara dos ...
Leia Mais >
 

Misterioso círculo gravado no gelo aparece em lago no planalto tibetano (Vídeo)

Misterioso círculo gravado no gelo aparece em lago no planalto tibetano (Vídeo)
Um círculo com um estranho desenho apareceu durante a noite no gelo do lago Qinghai, no planalto tibetano ...
Leia Mais >